Processocom

Estudante:

Vitória Brito Santos

Estudante de Comunicação Social – habilitação em Jornalismo da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). É bolsista de Iniciação Científica no PPG de Comunicação da Unisinos na pesquisa Coletivos culturais e espaço público midiatizado: configurações de usos, apropriações e produções de mídias em associações e grupos étnicos, orientada pela Profª Drª Jiani Bonin, inserida na Linha de Pesquisa Cultura, Cidadania e Tecnologias da Comunicação. Integrante do Grupo de Pesquisa Processos Comunicacionais: epistemologia, midiatização, mediações e recepção (PROCESSOCOM) e da Rede Temática de Cooperação Científica: Comunicação, Cidadania, Educação e Integração na América Latina (Rede AMLAT).

Currículo Lattes

.

Pesquisa:

Coletivos culturais e espaço público midiatizado: configurações de usos, apropriações e produções de mídias em associações e grupos étnicos

Coordenador
Jiani Adriana Bonin

Pesquisadores envolvidos
Maytê Ramos Pires (Bolsista IC)
Paulo Júnior Melo da Luz (Bolsista IC)
Vitória Brito Santos (Bolsista IC)

Período
De 2010 até 2012

Resumo
Assumindo as mídias como lugares centrais na configuração do espaço público contemporâneo, esta pesquisa busca pensar seu papel na configuração de coletivos organizados em grupos e associações culturais. O objetivo geral é investigar os usos, apropriações e produções midiáticas de grupos e associações de migrantes e descendentes de migrantes de migração histórica e contemporânea, com vistas a entender o papel do espaço público midiático na configuração das identidades, práticas, projetos e demandas destes grupos e as possibilidades (ou impossibilidades) que se abrem para a ação cidadã. A pesquisa se fundamenta numa construção teórica que considera articulações entre os conceitos de midiatização, espaço público midiatizado, identidades e coletivos culturais, migrações e cidadania. A estratégia metodológica inclui pesquisas de tipos teórica, metodológica, da pesquisa e documental; pesquisa empírica exploratória e pesquisa sistemática. A pesquisa sistemática, de natureza qualitativa, se dará a partir da análise de casos de grupos e,ou associações levando em conta vinculações diversas e relevantes com mídias, potencialidades de constituição de práticas cidadãs e condições de exeqüibilidade da pesquisa. A estratégia de coleta de dados inclui modalidades individuais de entrevista (estruturada, semi-estruturada), grupos de discussão com inserção de materiais midiáticos, observação e pesquisa documental sobre registros, projetos, documentos produzidos pelos grupos. Será realizada também análise de um corpus de referentes midiáticos relevantes no contexto dos grupos investigados contemplando, principalmente, produções sobre os grupos ou por eles realizadas.

.

Atuação profissional:

Estudante

Bolsista de iniciação científica.

.

.

Deixe uma resposta

Protected by WP Anti Spam